Veja 17 dicas para deixar sua empresa ainda mais sustentável

 In

A moda no momento é ser sustentável. Só que, para entrar neste meio, precisa seguir algumas regras básicas. A primeira delas, obviamente, é respeitar as normas ambientais. A segunda, não por menos, é mudar o cotidiano da empresa, como reduzir o consumo de energia, de água, reciclar materiais, entre outros.

Além dessas, existem outras regras importantes para que sua empresa se torne ou venha a seguir à risca o quesito da sustentabilidade. Por isso, separamos algumas dicas para auxiliar nessa transformação:

  • Procure investir em programas de educação e preservação ambiental, como proteção de nascentes, recuperação de áreas degradadas ou proteção da biodiversidade na região em que sua empresa está inserida;
  • Avalie a necessidade do produto. Se ele for realmente útil, dê preferência para embalagens econômicas ou que reduzem o desperdício. Além disso, compre de fornecedores que façam práticas socioambientais;
  • Faça impressões frente e verso, pois assim diminui o consumo de papel e tinta, além de reduzir também o custo de energia;
  • Evite comprar ou substituir desnecessariamente aparelhos eletrônicos;
  • Desligue os aparelhos eletrônicos ou desconecte da tomada quando não estiverem sendo usados;
  • Procure instalar painéis de energia solar. Mesmo eles sendo caros no custo e na manutenção, compensa na economia de energia e na conta da luz;
  • Lâmpadas de led são mais econômicas e reduzem a emissão de gás carbônico, além de terem maior vida útil;
  • Verifique as instalações elétricas e mantenha a fiação em bom estado;
  • Utilize copos, guardanapos e sacolas descartáveis ou biodegradáveis;
  • Substitua as sacolas de plástico por retornáveis;
  • Reduza a utilização de água potável, captando e aproveitando água da chuva para sanitários, jardins e limpeza do chão;
  • Use produtos biodegradáveis para limpeza das instalações;
  • Separe o lixo conforme o tipo de resíduo, pois evita a degradação do meio ambiente, melhora a vida dos catadores de recicláveis e fortalece as cooperativas desses catadores;
  • Instale torneiras de baixo consumo de água ou de fechamento automático;
  • Prefira madeiras de reflorestamento, com selo de certificação.